Amor Cristianismo Relacionamento Vida

A arte de seguir em frente

Oi oi gente!! Como vocês estão?? Espero que bem bem! Antes de mais nada, perdão pela sumida >< esse mês eu tive uma demanda muito alta no trabalho e não consegui escrever pra vocês… Mas não se preocupem! Já vou consegui voltar a publicar no ritmo normal ❤ Mas nem tudo é notícia ruim! Essa correria no trabalho tem me ensinado muito, e hoje eu quero compartilhar uma dessas lições por aqui.

O erro de paralisar

Como eu disse em um texto passado, eu sou uma pessoa extremamente perfeccionista. Essa minha característica me torna uma pessoa que se cobra demais. Você pode até pensar que é uma característica boa, mas não é bem assim… Por eu me cobrar demais, quando as coisas não acontecem como deveriam (ou melhor, como eu queria que acontecessem) eu fico paralisada de culpa. Fico me perguntando o que eu fiz de errado ou o que eu deveria ter feito de diferente. Esta paralisia nunca resulta em uma mudança ou fruto positivo pra minha vida. Só me machuca.

A necessidade de continuar

Há algum tempo, Deus tem trabalhado isso no meu coração. Não era certo eu me machucar emocionalmente o tempo todo por coisas que nem sempre estava no meu alcance. (Em uma das vezes que Deus me ensinou sobre isso, eu escrevi um dos textos que mais me orgulho: Simplesmente ser é incrível) Em resumo: eu precisava aprender a não paralisar mais com os meus erros e a não me martirizar.

O processo

Eu não lembro quando nem como começou, mas aos poucos Deus foi moldando meu coração para ser menos duro consigo mesmo, foi me ensinando a ter misericórdia de mim mesma. Uma das coisas que mais me ajudaram a aprender a me perdoar foi a psicoterapia. Ir semanalmente para a psicóloga me ajudou a entender muitas coisas! Deus é realmente maravilhoso e usa diversas ferramentas para nos moldar 🙂 A cada dia eu aprendia mais sobre a importância de se perdoar e de entender que eu era apenas um ser humano. Não era justo comigo mesma, me cobrar de coisas que eu não sabia ou que estavam fora do meu alcance. Eu estava tentando fazer as coisas sozinha, sem a ajuda de Deus; não percebia que as coisas que estavam fora do meu alcance, estavam no total e pleno controle do meu Pai.

Colocando a prova

E então chegou janeiro com este projeto que me contrataram pra trabalhar. Eu estou trabalhando nele desde 17 de janeiro e só vou terminar a minha parte no dia 17 de fevereiro. É um projeto muito grande! É o primeiro grande trabalho que eu recebo para participar e tem sido uma experiência incrível! Mas muito cansativa também hahaha. Nele eu tenho colocado em prática muitos conhecimentos que eu adquiri servindo no acampamento e conhecimentos que adquiri na terapia. Como é um projeto grande e com prazo de entrega, muitas vezes nós, da equipe, não conseguimos fazer tudo como gostaríamos, mas por conta da correria, não podemos parar para nos lamentarmos por erros e coisas que não foram como desejávamos. Só nos resta nos desculparmos com nossos companheiros e seguir em frente, buscando dar o nosso melhor. Algumas vezes, cometemos o mesmo erro… Mas lá vamos nós, seguindo em frente, e nunca parando.

Tempo de ouro

Estive pensando agora, e concluí que eu não devo desperdiçar o tempo que me foi dado lamentando por coisas que eu já não posso mudar. Todos os minutos, todas as horas, que eu desperdicei me lamentando e me martirizando poderiam ter sido usados para desfrutar da presença de alguém que amo muito, poderiam ter sido usados para amar alguém, poderiam ter sido usados para algo mais útil do que simplesmente me machucar emocionalmente.

Ainda há muito o que aprender sobre seguir em frente, mas eu quero dedicar mais tempo com coisas que importam, do que com coisas que eu já não posso mais mudar.

Em amor, Dory ❤

Sobre Dory <3

Oi! Eu sou a Dory :) eu amo escrever e por isso criei um blog há uns anos atrás. Um resumo: sou cristã, estudante de Letras, pseudo piadista e humana

0 comentário em “A arte de seguir em frente

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: