Amor Música Uncategorized Vida

Desculpa, mas eu não danço por você

Olá, como vocês estão amigos? Espero que bem ^^ essa semana só tenho 3 matérias na faculdade, as outras já terminaram! Uhul \o/ fim de semestre é um stress né? Sem Jesus comigo eu não teria conseguido entregar tudo que precisava hahahaha. Well, hoje vou falar sobre algo que me trouxe grande impacto, algo que Deus está moldando em mim a muito tempo e que agora eu vejo ganhar forma. E tudo isso através de um filme da Netflix hahahaha como Deus é criativo né?

 

Sobre o filme

Essa semana, resolvi pegar um tempo pra assistir coisas na Netflix (já que já tinha entregado os trabalhos da semana) e então  apareceu nas recomendações um filme novo, original Netflix, que era sobre dança. E eu sempre gostei de filmes assim ^^ Resumindo o enredo, ele fala basicamente sobre a vida de uma moça, que estuda dança contemporânea e tem uma vida de luxos. Então acontece a falência do pai que a leva ao subúrbio e lá ela conhece o hip hip. E no final, depois de muuuuita história, a lição que ela aprende é: dançar com a alma.

20181204_132814

Dory e a dança

Acho que nunca falei muito sobre a minha parte b-girl aqui no blog, mas eu costumava dançar muuuuuito alguns anos atrás. Dançar me trazia energia, me fazia sentir nas nuvens, eu me sentia fazendo aquilo que eu deveria estar fazendo. Mas depois de um tempo eu comecei a olhar mais em volta, vi que tinham muitas pessoas incríveis do meu lado, que dançavam majestosamente e que eu nem chegava aos pés delas… Percebi que eu nunca conseguiria ir a algum campeonato, eu nunca ganharia prêmio dançando… Por que eu estava dançando mesmo? … E assim eu parei de dançar, usei a desculpa que meu joelho estava ruim (ele realmente está ruim, mas é só eu tomar vergonha na cara e fortalecer ele!) bem… Essa é a história de como eu me afastei do mundo da dança.

 

Voltando pra casa

Depois de assistir o filme naquele dia eu decidi que eu retornaria à minha casa, a dança, que eu não dançaria para ser melhor que ninguém a não ser eu mesma. Que eu não dançaria para ninguém, só pro meu Pai celeste, que me criou e tem prazer em me assistir. Não quero mais viver refém dessa mentalidade de que “se não for pra ser a melhor, nem faça”, quero me libertar dessa falácia do mundo em que pra ser relevante eu preciso ser a melhor em algo, que eu preciso provar meu valor a todo momento,NÃO! Quero viver para me superar a cada dia, para viver com Aquele que me amou primeiro, com Aquele que me criou com muito amor e carinho, e pensou/planejou cada uma das minhas características. Quero viver livre, com Ele.

 

E essa é a reflexão que eu tive nesta semana e quero compartilhar com você. Por isso, sinto muito em lhe dizer, mas… eu não danço por você!

 

Em amor, Dory ❤

Anúncios

Sobre Dory <3

Eu me denomino como Dory, uma pequena menina que é super mega atrapalhada e se distrai facilmente. MAS que o coração anseia por fazer amigos e o que é certo (ou pelo menos tentar). Sou cristã, estudante de Letras, pseudo piadista e humana.

0 comentário em “Desculpa, mas eu não danço por você

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: